Oftalmologia Veterinária

oftalmologia veterinária hospital veterinário Butantã

Sobre Oftalmologia Veterinária

A oftalmologia veterinária é a especialidade que trata os olhos e a manutenção da visão dos animais. 
No Centro Veterinário Butantã (CVB), esta especialidade é aplicada em cães, gatos. Durante a avaliação oftálmica podemos diagnosticar problemas oculares e/ou problemas sistêmicos com manifestações oculares. Contamos com um serviço de oftalmologia de ponta, com profissionais qualificados onde realizamos procedimentos ambulatoriais.

Os sinais clínicos oculares mais frequentes são: olho vermelho, secreção ocular, blefarospasmos (olho fechado), fotofobia (intolerância a luz), prurido (coceira) e déficit visual. Tais sinais clínicos são inespecíficos e podem estar relacionados a diversos problemas oftálmicos e/ou sistêmicos. Por isso, é imprescindível a avaliação minuciosa de um oftalmologista.

A Consulta Oftalmológica

Como foi dito anteriormente, os sinais clínicos inespecíficos dos olhos devem ser investigados unindo o histórico do paciente aos exames oftálmicos específicos. Entre eles, durante a consulta, é realizado o teste de Schirmer (mensuração da lagrima), fluoresceína (teste para úlcera), testes de reflexo pupilar fotomotor e visuais (resposta a ameaça, movimento, obstáculo e ofuscamento) e fundoscopia (avaliação do fundo de olho).

Além disso, podem ser solicitados exames complementares como: tonometria (mensuração da pressão intraocular), ultrassom ocular entre outros. Vale lembrar que algumas alterações sistêmicas (diabetes, hiperadrenocorticismo, hipotireoidismo, doença renal, doenças infecciosas, entre outras) também podem desencadear problemas oftálmicos e, quando presentes, o paciente deve passar em avaliação.

O diagnóstico correto e precoce somado ao tratamento adequado auxiliam na qualidade de vida e conservação da visão dos nossos animais de companhia.

Perguntas Frequentes sobre Oftalmologia Veterinária

As queixas oculares possuem potencial de complicação rápido, podendo evoluir para a perda da visão e/ou do olho. Portanto, se o seu animal está com algum desses sinais clínicos procure um oftalmologista imediatamente.

O colar protetor é fundamental para o sucesso do tratamento e seu uso é recomendado em tempo integral durante a evolução do tratamento.

Coloque o colar protetor para impedir que o paciente consiga coçar a região dos olhos e, com isso, piore a extensão e contaminação da lesão.

Esta especialidade funciona nos seguintes horários:

Especialidade

Se preferir, ligue para (11) 2308-1991